Topo

Hospital Regional de Porto Alegre do Norte vai atender municípios do Araguaia

enviado por Rádio Alternativa em 27/01/2014 08:13

Hospital Regional de Porto Alegre do Norte vai atender municípios do Araguaia

Em uma área de 10 mil metros quadrados, no setor Santos Dumont do município de Porto Alegre do Norte, será construído um novo Hospital Regional. A unidade vai oferecer procedimentos de baixa, média e alta complexidade e deverá atender pacientes de toda a região do Araguaia. A cerimônia de lançamento do edital de licitação do hospital foi realizada nessa sexta-feira (24), na Câmara Municipal. 

O hospital terá capacidade para 250 leitos e será construído em duas etapas. A primeira terá cerca de 109 leitos, entre eles 86 de internação e 12 de Unidades de Terapia Intensiva (UTI). A área onde a unidade será construída foi doada pelo município e está em um bairro de fácil acesso, tanto para quem chega pela rodovia quanto para quem chega de avião. Já o custeio do hospital será por meio de uma parceria entre Estado e Governo Federal, segundo o secretário de Estado de Saúde, Jorge Lafetá. 

A decisão de instalar a unidade hospitalar em Porto Alegre do Norte foi consenso entre os municípios que serão beneficiados com a estrutura. De acordo com Lafetá, a meta do governo estadual é descentralizar a saúde em Mato Grosso e capacitar os profissionais da área que atuam no interior para que as ações sejam “resolutivas”.

Procedimentos de média complexidade como a retirada da vesícula, que atualmente não são feitos nos hospitais do Araguaia, poderão ser realizados na nova unidade. Quanto à alta complexidade, o secretário cita cirurgias para traumas no fêmur, joelho e quadril em acidentes de trânsito, por exemplo. “Tentaremos trazer esses procedimentos para cá”.

“Assim vamos fazendo a região. É energia, é asfalto, é saúde, é a Unemat [Universidade do Estado de Mato Grosso] que já está atendendo 700 alunos no ensino superior só aqui no Araguaia. É um salto muito grande para essa região, é a presença do Estado”, avaliou o governador, depois da viagem de dois dias percorrendo sete municípios do Araguaia para lançar e inaugurar obras.

Expectativas - A notícia do hospital foi um alívio para o pedreiro Raimundo Rodrigues, 39, que já precisou levar sua mãe a Goiânia (GO) para a realização de uma cirurgia no joelho, pois não era possível realizar o procedimento nos hospitais da região do Araguaia. Acabou indo para Goiânia por ser mais próxima de Porto Alegre do Norte, onde mora. “Com esse hospital regional vai ser uma maravilha. Vai dar mais segurança aos moradores da região”.

Além de melhorar os serviços em saúde, Célia Carneiro, 39, acredita que a cidade vai sentir os reflexos de ter um hospital de referência. “Porto Alegre vai crescer, pois as pessoas preferem morar em um local que possui uma boa estrutura de atendimento em saúde”, analisa a agente comunitária.

E para o prefeito de Porto Alegre do Norte, Emival Gomes de Freitas, os benefícios do hospital não param por aqui. Além de levar mais qualidade de vida, segurança e tranquilidade para a população, o gestor lembra que os municípios também vão economizar, pois haverá diminuição dos gastos com transporte de pacientes.

Comentários:

Deixe seu comentário:

Publicidades

© Desenvolvimento: www.windesigner.com.br